4 Fatores Determinantes (estratégias) para descobrir os temas de redação do Enem!

0
8595

À medida que a prova de Redação do Enem vai se aproximando, surgem os chamados “chutes do tema”. Há muita gente apostando em temáticas para a prova de redação. No entanto, ao invés de se cogitar o que pode ou não ser o tema da prova, é preciso atentar para dois importantíssimos fatores:

  • Como se organiza o comando da prova de redação.
  • Quais áreas temáticas (o que não significa o tema propriamente dito) podem aparecer na redação.

Então, vamos agora entender os FATORES que vão determinar o seu DESEMPENHO e SUCESSO. Sendo assim, a partir deste momento, tenha um outro olhar sobre o que, como e de que forma deve ser pensada a Redação no Enem.

1º Fator determinante: onde está e o que é o tema?

onde esta o tema da recao do enem

Inicialmente, é preciso estar atento: em que parte da prova se concentra o tema? A resposta é: no início. A prova de redação do Enem tem esse detalhe: o tema é o que abre a prova de redação. É justamente nas primeiras linhas que você vai encontrar as palavras-chave da tarefa de redação, como, por exemplo, no seguinte segmento abaixo:

“Com base na leitura dos textos motivadores seguintes e nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija um texto dissertativo-argumentativo em norma padrão da língua portuguesa sobre o tema: comportamentos que escravizam as pessoas nos dias de hoje, apresentando proposta de intervenção social que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista”.

Diante disso, é mais do importante o fato de que você, vendo palavras-chave “comportamentos” e “escravizam”, utilize-as no texto. Observe que se, hipoteticamente, você considerasse “o uso excessivo de tecnologias” como um destes comportamentos, isso NÃO anula a necessidade de continuar usando tais palavras destacadas. Tenho observado que, quando o tema parece algo “estranho” ou não muito comum de se escrever, os alunos não usam o tema, ou, em alguns casos, usam palavras que são aproximadas com o sentido do tema. Isso acontece, por exemplo, quando ao invés de afirmar a existência de “comportamentos que escravizam”, o aluno usa um sinônimo como “deficiência”, “dificuldade”, estado depreciativo”. Até se poderia usar tais ideias, mas desde que houvesse, em momento anterior, a colocação da ideia principal, que, como foi colocado aqui, são aquelas palavras que vêm na tarefa de redação. Utilize-as sempre que achar necessário. Só busque sinônimos, em duas situações:

  • Caso exista um sinônimo para a palavra que você precisa repetir; e
  • Caso você já tenha finalizado a formulação da ideia do parágrafo ou do texto. Não pare no meio de seu raciocínio para ‘se preocupar’ com o que vai ou não ser repetido: primeiro, você escreve; depois, você revisa.

Um outro aspecto sobre o tema é que o usar durante o texto NÃO representa repetição desnecessária. Ideia repetitiva deve ser entendida como palavras que não são o tema, e que se repetem muitas vezes durante o texto ou argumentos que já foram apontados no parágrafo 2 e voltam a ser plenamente utilizados no próximo parágrafo do texto.

2º Fator determinante: o comando da prova.

ideia de comando redacao do enem

Um outro aspecto de vital importância é a FORMA DE COMANDO que a tarefa de redação vai apresentar. A partir do Enem 2009, constata-se que NÃO há uma pergunta específica ao candidato. Da mesma forma, a tarefa não solicita explicitamente ‘a causa’ ou ‘a consequência’ que determinado tema possui. A colocação de tais ideias é de entendimento do aluno, o qual deve perceber se precisa ou não disso. Sendo assim, precisamos trabalhar, nessa fase preparação, com tarefas de redação e respectivos comandos de prova que estejam exatamente como os exemplos que seguem. Você não pode mais desenvolver um raciocínio que não contemple o perfil de elaboração da tarefa de redação/Enem. Sendo assim, fuja daquelas propostas de redação solicitam algo muito vago, como “a violência no Brasil” ou algo muito específico, como “o perfil da mulher no mercado de trabalho”. Observe abaixo como o Enem vem apresentando a proposta.

Enem 2009

Com base na leitura dos textos motivadores seguintes e nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo em norma culta escrita da língua portuguesa sobre o tema “O indivíduo frente à ética nacional”, apresentando proposta de ação social, que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione coerentemente argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista

Enem 2010

Com base na leitura dos seguintes textos motivadores e nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo em norma culta escrita da língua portuguesa sobre o tema O Trabalho na Construção da Dignidade Humana, apresentando experiência ou proposta de ação social, que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.

Enem 2011

Com base na leitura dos textos motivadores seguintes e nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo em norma padrão da língua portuguesa sobre o tema VIVER EM REDE NO SÉCULO XXI: OS LIMITES ENTRE O PÚBLICO E O PRIVADO, apresentando proposta de conscientização social que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.

Enem 2012

A partir da leitura dos textos motivadores seguintes e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo em norma padrão da língua portuguesa sobre o tema O MOVIMENTO IMIGRATÓRIO PARA O BRASIL NO SÉCULO XXI, apresentando proposta de intervenção, que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.

Enem 2013

A partir da leitura dos textos motivadores seguintes e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo na modalidade escrita formal da língua portuguesa sobre o tema “Efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil”, apresentando proposta de intervenção, que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.

Enem 2014

A partir da leitura dos textos motivadores seguintes e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo em norma padrão da língua portuguesa sobre o tema “Publicidade infantil em questão no Brasil”, apresentando proposta de intervenção, que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.

A partir disso, SEMPRE procure aquele verbo de comando que vem dentro da proposta. Como você pode observar, nos últimos 6 anos, a proposta tem colocado a mesma palavra: REDIJA. É a partir deste verbo que você vai enxergar dois aspectos:

1º) O tema estará sempre ali. Concentre-se naquelas exatas palavras que vêm após o termo “tema”.

2º) Considerando que NÃO há um direcionamento específico sobre o que você necessariamente deve escrever, cabe assim a você a tarefa escolher o que vai afirmar sobre o tema. A dica é: escolha uma situação ou fato-problema, o qual será sua tese e facilitará a argumentação no desenvolvimento.

3º Fator determinante: “tipos” de tema

tipos de tema da redacao
Algumas áreas tem chance quase nula de aparecer na Redação

O que precisa ficar bem claro é que há áreas de conhecimento especiais, que servem de base para se pensar o tema de redação. É fato que áreas que envolvem política, ética, corrupção ou qualquer aspecto envolvendo a área governamental têm uma chance quase nula de aparecer, porque a banca de prova (comprometida com o caráter ideológico do governo: oposição ou situação) não vai dar a “chance” de milhares pessoas (candidatos) manifestarem suas reais concepções avaliativas sobre “os fatos”. Cabe aqui a ressalva sobre o ano de 2009, quando o CONTEXTO de roubo da prova suscitou uma abordagem sobre ética.

Exceções à parte, vamos olhar para o que é possível. Nesse sentido, áreas como ‘meio ambiente, comportamento social de jovens/crianças, adultos/idosos, saúde/qualidade de vida social/coletiva, educação (quando abordada sob o viés de inserção social) representam possibilidades de tarefas. Mas o que também se pode observar é que são ideias extremamente vagas, o que deixa como pressuposto o fato de que caso não se tenha conhecimento suficiente sobre o tema em questão, deve-se utilizar os textos de apoio como base de conhecimento.

Todos sabem que é PROIBIDO fazer cópia dos textos da prova. No entanto, NÃO é proibido:

  • Buscar vocabulário e noções conceituais sobre o tema. Por exemplo, no ano passado, era possível compreender o que era a “publicidade infantil” quando se observava com atenção os textos, os quais mostravam a publicidade sob a óptica da criança expectadora e não da criança que eventualmente poderia ser o garoto(a) propaganda de determinados produtos.
  • Buscar trechos dos textos, mediante citação da fonte (autor/jornal/revista/site), com a condição de que estes tenham íntima relação com o que está sendo dito no parágrafo. Por exemplo, no tema 2014, era possível CITAR os países que regulamentam ou não a publicidade. Tal informação estava colocada pelo site Uol.

4º Fator determinante: o que ler nessa fase?

o que ler
Ler editoriais e artigos de opinião vão te ajudar muito

A leitura, como recurso que evidencia COMO fazer, o que escrever, como começar um texto, como transitar de uma ideia para outra, faz-se importante aliada para construção de boas ideias. Mas atenção: não perca tempo lendo sobre política e ideias afins, no sentido de deslocar tal conhecimento para a redação. Procure textos de abordagem social, que não coloque “em xeque” a atuação do governo. Também não leia com a finalidade de armazenar informação. Isso não acontece de maneira satisfatória. Leia para ENTENDER e TRAZER PARA SEU TEXTO o MODO de construção de frases e parágrafos. Uma leitura proveitosa atende aos seguintes aspectos:

  • Atente para a maneira como os autores em geral saem de uma frase e entram em outra; sublinhe os elementos de retomada entre as frases e parágrafos.
  • Leia os textos marcando as palavras que se repetem identicamente ou por sinônimo. Elas demarcam a progressão do tema no texto.
  • Busque sempre verificar, durante a leitura, a opinião do autor e as ideias que ele usa para fundamentar seu ponto de vista.
  • Priorize a leitura de EDITORIAIS e ARTIGOS de OPINIÃO. Estes textos são qualificados para a leitura ENEM.

Uma observação importante: os alunos sempre me perguntam sobre leituras que envolvem conflitos políticos e civis mundiais. Este conhecimento pode ser muito útil na prova de Ciências humanas (história e geografia); na redação não.

Pessoal, essas são as dicas a que vocês precisam ficar atentos. Após lerem, digam se já têm tais procedimentos, se já identificam bem ou não o tema, verificando o contexto… Bem, espero ter contribuído com o conhecimento de vocês. Postem aqui o que estão pensando ou que dúvida ficou sobre os fatores de IDENTIFICAÇÃO do TEMA.

Um grande abraço a todos!

Bons estudos!

Pati ☺

P.S>>> Deixe seu comentário, é muito legal de ver e ler vocês participando!

Comments

comments

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here