Como Criar Um Título Impossível de Ser Ignorado que impressione o corretor do Enem

0
3339

Todos sabem que o título não é obrigatório no Enem, mas é preciso estar ciente de que ele pode ser O DIFERENCIAL de sua redação. Quando se vai produzir um texto, quase sempre, fica aquela dúvida: é preciso pensar o título antes ou depois do texto? O que pode ou não ser colocado no título? Então, para acabar de vez com estas e outras tantas dúvidas, vou colocar abaixo algumas orientações sobre o título.

exemplos-titulos

O que um título pode conter???

  • Inicialmente, é preciso saber que o título é a última parte a ser pensada na redação, exceto quando, de repente, surge uma ‘luz’ ou, em outras palavras, um ótima ideia, a qual você DEVE ANOTAR, porque, exatamente, em 5 segundos, ela será esquecida. Como isso acontece? Não sei explicar, mas sei que aquela frase, aquela ideia genial vem… e some. Então, não fique tentando guardar na mente a ideia. Anote-a!
  • Posto que o título tem este momento para se pensado, o que ele pode CONTER? Ele pode conter:
  1. As palavras-chave do tema.
  2. Junto destas palavras, é preciso se pensar algo mais, pois usar a frase do tema como título é insignificante.
  3. O título, preferencialmente, precisa dar uma pista sobre a tese ou sobre a medida de intervenção, pois títulos genéricos são desconsiderados.
  4. O título pode conter qualquer tipo de pontuação. Apesar de existir uma regra de pontuação para título, a qual define que, se o título possuir verbo, ou pontuação interna, usa-se um ponto ao final dele, essa regra não é usada com frequência porque não é vista como expressiva para a estilística do texto; como o título é facultativo, se é para colocar algo, então, que seja algo bem expressivo, que conote algum impacto de sentido. Para isso, utilizam-se pontuações expressivas, logicamente, relacionadas ao sentido do texto, como as seguintes: travessões (no lugar da vírgula), ou simplesmente travessão interno no título; aspas para demarcar um estrangeirismo (o qual demarque um sentido especial ao que se quer intitular, não sendo um termo qualquer de outra língua), aspas para demarcar uma ênfase, um fragmento de citação, uma ironia (com esta última se deve ter muuuuito cuidado!!!), uma metáfora (que colabore de maneira qualificada com a ideia a ser apresentada); parênteses (principalmente, para isolar prefixos que (re)significam a ideia pensada), pontos de interrogação, pontos de exclamação.

como-escrever-titulos

  • ATENÇÃO!!!! O melhor título é aquele que está NA CONCLUSÃO. ‘Como assim?’ você deve estar pensando… e eu lhe respondo: é assim mesmo! Seu título, em quase cem por cento das vezes, está na última frase da conclusão… está lá… olhando para você: basta que você dê atenção a sua última frase e resgate as palavras desta última frase para LINKAR no seu título. Eu dei um nome a essa estratégia para relacionar a última frase da conclusão com o título: Link. Esse nome expressa bem a relação de sentido entre o fim e o início do texto: um “arredondamento do sentido” (diriam alguns teóricos do texto).
  • Mais um ponto se faz importante para considerarmos: e se, por acaso, não houver nada que possa ser usado da conclusão no título. Neste caso, você tem mais duas opções:
  • Caso não haja nada que lhe atraia, então, você pode pensar em uma frase à parte, colocá-la como título e depois fixá-la como última frase da conclusão, iniciada com elemento de fechamento (Por exemplo: assim, desse modo, dessa maneira).
  • Apele para os outros parágrafos do texto. Busque algum recurso de linguagem no meio ou início do texto.
  • E, como estou dizendo que um bom título vem da conclusão, então, vou retomar rapidamente a estrutura da conclusão e vinculá-la com o título. Sendo assim, a conclusão se organiza da seguinte forma:Elemento conclusivo + tema + tese + medida de intervenção + última frase da conclusão, onde é possível perceber ou relacionar o título.

EXERCÍCIO PRÁTICO

como-escrever-um-titulo-perfeito

Observe abaixo que eu utilizei alguns parágrafos de conclusão e, a partir deles, vou mostrar COMO SE PODE RETIRAR UM EXCELENTE TÍTULO. Leia-os com atenção.

Primeiro exemplo- (Tema: publicidade infantil/Enem 2014)

Conclusão (Autor: O. U.)

 

(…)

“Não podemos deixar, portanto, que o lucro de poucos sobreponha-se ao bem-estar de nossos filhos; deixar que o próprio mercado autorregule-se é uma ingenuidade, visto que o mesmo segue a lógica do lucro. A exemplo de países escandinavos, referências em IDH, o Estado brasileiro deveria assumir esse compromisso e regular a publicidade infantil assim como o fez com as propagandas de cigarro. O Conar, por sua vez, também deveria acatar e aplicar a exemplar resolução do Conanda. Um futuro saudável depende disso!”

 

Segundo exemplo- (Tema: A relação entre pais e filhos)

Conclusão (Autor: F. D.)

 

“Portanto, a falta de estrutura que presenciamos nas relações pais e filhos está intimamente ligada às posturas individualistas de ambos. Dessa forma, é necessário que os pais se coloquem no lugar dos filhos para compreender e, com isso, permitir a livre-escolha. Não menos importante que isso, pensamos que os jovens devem procurar estar efetivamente presentes no convívio familiar, pois somente com atitudes de amor é que a relação tornar-se-á uma fortaleza inabalável.”

 

Terceiro exemplo- (Tema: O consumismo na formação de valores)

Conclusão (Autor: Janys K. Ballejos Cruz)

 

“Tendo em vista que o consumismo pode acarretar uma mudança no comportamento, além de uma série de sintomas negativos, é necessário que a Organização Mundial da Saúde, juntamente com seus representantes, recorra aos meios de comunicação para ressaltar a ideia de perigo frente ao consumo em excesso. Dessa maneira, seria possível visualizarmos os males causados pelo desejo abusivo de compra, o que torna viável a contenção desse descontrole, estabelecendo o equilíbrio nesse contexto”.

Você leu as conclusões acima? Quero ressaltar que para todas eu tenho autorização de uso. Observou que elas possuem temas diferentes? Então, AGORA, vamos ver como criar um TÍTULO EXCELENTE. Funciona naquele passo a passo de tudo o que descrevi acima. Retomando:

Como_escrever_títulos

  • Para criar um título bom: é preciso buscá-lo ou levá-lo na/para conclusão (preferencialmente na última frase), é importante relacioná-lo com a tese ou com a medida de intervenção social, ele pode conter qualquer tipo de pontuação expressiva. Então, vamos lá:Para o primeiro exemplo (Tema: publicidade infantil), OBSERVE A ÚLTIMA FRASE DO PARÁGRAFO COLOCADO ACIMA, um título excelente seria:
  • Um futuro saudável depende disso

Ou

 

  • Elas/eles dependem disso!

 

Ou

 

  • Dependemos disso!

 

Ou

 

  • Acatar e aplicar é preciso

 

Para o segundo exemplo (Tema: a relação entre pais e filhos), OBSERVE A ÚLTIMA FRASE DO PARÁGRAFO COLOCADO ACIMA, um título excelente seria:

 

  • Efetivamente presentes

 

Ou

 

  • Uma fortaleza inabalável

 

Ou

 

  • Tornando-se uma fortaleza inabalável

 

 

Para o terceiro exemplo (Tema: o consumismo na formação de valores), OBSERVE A ÚLTIMA FRASE DO PARÁGRAFO COLOCADO ACIMA, um título excelente seria:

 

  • Um desejo abusivo

Ou

 

  • Contenção do descontrole

 

Ou

 

  • Estabelecendo o equilíbrio

 

Ou

 

  • O equilíbrio necessário

 

Ou

 

  • Equilibrar-se: uma ação necessária

Pessoal, … então, é isso, nada mais havendo, encerro a presente dica e subscrevo o presente texto. Hahahaha… brincadeiras à parte, desejo a vocês um excelente estudo, que vocês VERDADEIRAMENTE consigam usar essas orientações que coloco aqui. Depois disso, só peço uma coisa: me contem como foi!!!!!!!!!!! Amo saber sobre o que vocês fizeram!!!!

Um beijão a TODOS!

 

Pati  ☺

Comments

comments

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here